domingo, 8 de fevereiro de 2015

O enigmalito de Williams...

Em 1998 o engenheiro elétrico John J. Williams, encontrou um objeto que parecia ser um conector elétrico no chão. Ele começou a cavar e descobriu uma pedra de aparência estranha, e havia três pinos de metal envolvido pela rocha.

Segundo Williams, esse objeto foi achado em uma zona rural do Estados Unidos, quando ele fazia uma excursão. Uma área longe de assentamentos humanos ou qualquer comércio, indústria, hospitais e aeroportos.

Mesmo pondo a credibilidade em risco, ele se recusa a fornecer a localização, pois pode haver garimpo e ter outras relíquias no local.

Segundo Williams, ele chamou engenheiros e geólogos para verificar o objeto, a conclusão é que componente eletrônico não foi soldado e nem colocado na pedra, se isso ocorreu, certamente é algo que ainda é desconhecido da ciência atual, e a dedução é que o objeto existia quando a pedra se formou ao seu redor.

Análise geológica determinou que aparentemente, a pedra tem cerca de 100 mil anos de idade, se isso realmente for verdade, tecnicamente, ele não poderia existir se levarmos em conta a cronologia aceita atualmente.
A rocha se tornou um mistério conhecido por entusiastas de OVNIs, mas muitos acham que é uma farsa.

Williams acredita que o localização onde foi encontrado o objeto, forneça mais evidências de uma civilização perdida ou presenças de extraterrestres. Ele tem buscado uma equipe de cientistas de mente aberta para investigar o local. Ele também está confiante para deixar qualquer investigação ao enigmalito, mas há três condições: Ele deve estar presente, a pedra deve ser preservada (intacta) e ele não vai ter que pagar a pesquisa.

Fonte:
https://www.epochtimes.com.br
http://www.ciencia-online.net
http://www.taringa.net
https://www.google.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário